Duas profissões que não se misturam. Há uma escolha a ser feita; a paixão ou a carreira.
Ba·bá: Empregada doméstica que cuida de crianças pequenas. = AMA, BÁ
Mo·de·lo: Pessoa que tem como atividade envergar e apresentar roupas e acessórios. = MANEQUIM


Escrita por: B. Delavoux
Betada por: Bruna Kubik (Bela Queiroz até o capítulo 27)

Capítulos 01 ao 12

Um pé na frente do outro. Queixo levemente virado para baixo. Não sorria, fique com a boca fechada de forma natural. Mantenha o olhar em algo à sua frente, fixo a algo. Não olhe para os lados.
“Certo. Ignore os Beckham e Anna Wintour na plateia.” Olivia pensou, enquanto todas as modelos e Victoria lhe passavam as diversas dicas.
Ombros levemente puxados para trás. Mantenha a postura ereta. Não balance os quadris. Só de caminhar com um pé na frente do outro o seu corpo balançará da forma natural que deve.

Leia

Capítulos 13 ao 25

— Eu acho que estou apaixonado.
Olivia estava tomando sua água tranquilamente e quando ouviu aquela confissão, não segurou a gargalhada e nisso, voou água de sua boca para todos os lados. Tipo um chafariz.
Ele travou a mandíbula.
— Você, meu caro Brooke… Está fodido. — ela sorriu de lado, sadicamente. Ainda bem que aquilo não acontecia mais com ela.
Brooklyn olhou no fundo dos olhos dela, lembrando sobre o que ela havia lhe dito “os olhos serem as portas das almas”. Era lá que ele teria sua resposta. Não deu muita atenção à resposta dela e prosseguiu.
— É por você.
Ele apostou todas as suas fichas de esperança numa causa perdida. Olivia piscou muito para fazê-lo desviar o olhar e depois ela riu.
— Você está mais fodido ainda.

Leia

Capítulos 26 em diante

Ela nunca havia saído para jantar, nem tido nenhum encontro assim, dentro de todos os padrões do clichê. Era a primeira vez e havia sido mágico e especial. Brooklyn era simplesmente incrível e ela se sentiu uma bosta por tudo que já havia feito com ele. Como ele estava ali até agora?
Ela sentiu os olhos encherem d'água e limpou disfarçadamente. Preferia pensar que era culpa da TPM, porque ela nunca se sentiu tão emotiva e com baixa autoestima assim, ao ponto de achar que não merecia o parceiro.
Precisava voltar em April urgentemente. Tinha algo fora do eixo de novo.

Leia