Contador:
Última atualização: 22/05/2021
Music Video: Let Me - Zayn

Prólogo



Nova Iorque estava tomada por uma tarde chuvosa que me fazia perder a concentração a todo momento conforme em tentava finalizar um maldito relatório, que estava tomando quase todo meu tempo. Eu praticamente fechava meus olhos a todo momento, enquanto me esforçava para manter a concentração e ter escolhido uma das salas vazias do prédio tinha sido uma boa ideia.
Ter pessoas à minha volta me ajudava a manter o foco.
Batuquei meus dedos algumas vezes na mesa, de nervosismo, devido algumas coisas que eu havia deixado passar e constatei que talvez pegar um café seria melhor que continuar insistindo em algo que claramente não funcionaria. Eu precisava de algo que me fizesse acordar, ao menos um pouco.
Dormir na mesa de trabalho não estava na lista de coisas que eu gostaria de fazer naquele dia.
O alerta maior do meu cansaço veio quando duas batidas fortes na porta ecoaram e eu praticamente dei um pulo na cadeira, me praguejando por ter treinado tão pesado no dia anterior, após um turno longo.
— Pode entrar — respondi em um tom alto o suficiente para que a pessoa pudesse me ouvir e tratei de juntar as coisas em cima da mesa.
Com certeza eu não terminaria aquilo hoje.
— Agente . — Olivia, uma das agentes com quem eu já havia dividido alguns casos no passado, adentrou a sala. — A sua presença está sendo requisitada na sala de reunião, pelo Carson.
Aquilo fez com que eu quase soltasse uma risadinha, pois sempre achava engraçada a forma com que ela falava toda formal comigo.
— Pode me chamar só de — informei, já me levantando da cadeira e caminhando até a porta. — Certo, estou indo. — Me levantei, assentindo e terminando de organizar as coisas pra que pudesse sair da sala.
Se eu fosse um dia em que eu tivesse descansado mais no dia anterior, com certeza teria conversado mais com ela ou demonstrado um interesse de interagir maior, mas, em vez disso, apenas sorri minimamente e segui meu caminho em direção à sala de reunião, que, por sorte, era no mesmo andar em que eu me encontrava.
Carson geralmente sempre me avisava quando precisaríamos estreitar algumas coisas, então ser chamada por ele daquela forma e em um horário totalmente incomum havia me deixado minimamente animada. Gostava do meu trabalho e o baixo número de missões que vinha tendo estava me deixando levemente desanimada.
Dei dois toques na porta assim que me aproximei e ao ouvir a voz do meu chefe afirmando que eu poderia entrar, rodei a maçaneta e adentrei o espaço.
— Se vai perguntar se não vi minhas mensagens — falei, pegando o aparelho do bolso e apontando para ele com a tela completamente apagada — a resposta é não. A bateria acabou e eu me distraí em alguns relatórios, Carson. — Sorri minimamente, fechando a porta e então me dando conta de que tinha um homem na sala com ele que eu nunca tinha visto antes.
Senti o olhar de Carson sobre mim ao mesmo tempo em que o homem se virou na minha direção. Percebi que ele me analisou lentamente, percorrendo todo o meu corpo e abrindo um sorriso mínimo antes de voltar seus olhos para meu rosto. Então nem me contive em corresponder, passando meus olhos por ele e mordendo levemente a parte interna da bochecha.
Aquele homem era um puta de um gostoso. O FBI estava de parabéns.
Para que a situação não ficasse constrangedora demais, caminhei vagarosamente até eles, esperando que Carson nos apresentasse.
— Esse é o agente — ele disse meu nome e seus olhos passearam de mim para o outro homem. — essa é a agente .
O agente então se aproximou um pouco mais e estendeu a mão para mim, mais uma vez esboçando um sorriso.
— É um prazer, agente — soltou em um tom sério embora a forma como me olhava sugerisse outras coisas.
— O prazer é todo meu, agente — respondi, frisando o sobrenome dele e sorrindo abertamente, conforme apertei sua mão.
Mordi mais uma vez a boca internamente, então soltei sua mão.
— Que bom que gostaram tanto um do outro — Carson disse, abrindo um sorrisinho de lado e acabei revirando os olhos levemente. Sabia muito bem o que ele queria dizer com aquilo.
E se eu não estivesse tão intrigada com o trabalho, teria feito até algum outro comentário.
— Finalmente meus pedidos foram atendidos — comentei, sorrindo levemente, retomando a postura que eu sempre tinha na presença de Trenton e me recostei na mesa, cruzando os braços, percebendo que o olhar de mais uma vez seguiu em minha direção, ao passo que arqueou levemente a sobrancelha. — Vamos pular a parte que você fica enrolando porque gosta de me deixar curiosa e ir direto ao assunto. Que tal? — Ergui uma sobrancelha também, rindo fracamente.
— Desse jeito você vai assustar o agente , — Carson comentou, rindo levemente.
— De maneira alguma, Carson. Fico feliz em atender as expectativas — respondeu em um tom sugestivo, rindo junto em seguida.
Sorri levemente com a resposta dele, pensando que realmente era uma delícia que ele as atendesse, então retomei minha atenção para Carson.
— Mas sim, vamos ao que interessa — Trenton disse, sorrindo levemente e caminho em direção à mesa e pegando um controle que acendeu uma tela na parede quando ele apertou um botão.
Imediatamente o símbolo do FBI apareceu na tela e eu mantive meus olhos fixados ali. Eu realmente estava interessada e queria saber sobre o que seria a missão.
— Para quem andava entediada, garanto que isso vai tirar todo seu tédio, — começou, de modo que a tela abriu uma outra imagem que deixava bem claro para mim que se tratava de tráfico de mulheres. Aquilo rapidamente me fez franzir o cenho e me mantive ainda mais concentrada do que já estava.
— Tráfico de mulheres… — soltei baixo, enquanto deixava que meus pensamentos se acalmassem um pouco e eu pudesse pensar no que faríamos exatamente. — E o que de fato vamos fazer, Carson?
— Vocês dois vão se infiltrar em duas organizações criminosas — começou dizendo, passando mais algumas imagens com informações que eu obviamente já sabia, mas eu sabia que aquele era apenas o trabalho dele. — Agente , você vai ficar responsável em ganhar a confiança do chefe do primeiro grupo e se tornar braço direito dele. — Seu olhar pousou em , então levei meu olhar até ele, que assentiu brevemente, engolindo a seco. Mais uma vez, os olhos dele se voltaram para mim, talvez percebendo que eu o encarava, então o homem voltou a se concentrar nas orientações de Trenton.
— Me diz que não vai me colocar na função de usar meu lindo corpinho para conseguir a confiança desse bando de homem escroto — soltei, porque aquilo realmente me revoltava e bufei de maneira frustrada, percebendo que o homem ao meu lado conteve uma risada. — Estou mentindo? — Indaguei, sorrindo falsamente.
Carson soltou uma risada alta e negou com a cabeça.
— Não, agente — afirmou, tentando retomar a postura e sorri satisfeita. — Eu não faria isso. Você vai ficar responsável pela negociação de armas, dinheiro… Todos os tipos de compras. Basicamente, você vai ser rica e poderosa pra caramba. — Seu jeito de falar ficou menos sério no final e eu assenti sorrindo.
— Enfim um chefe sensato — comentou em um tom de aprovação. Fazendo Trenton rir levemente.
— Poderosa eu já sou, rapazes. — Pisquei para os dois, mas principalmente na direção do homem ao meu lado, rindo com o comentário dele.
— O que eu faço com você, ? — Carson comentou, negando com a cabeça. — , agora eu preciso ser mais sério. Acha que consegue fazer isso?
Estreitei o olhar com a pergunta dele, passando meus olhos entre os dois homens e respirei fundo.
— Sim, eu consigo — afirmei, sendo totalmente sincera na minha resposta. — Me infiltrar em um grupo que trafica mulheres não está na minha lista de desejos, mas eu consigo. E o meu trabalho. Foi por isso que entrei no FBI, para proteger as pessoas.
— Ótimo. — Carson sorriu abertamente, mostrando que aprovava o que eu havia dito. — Além disso, não vamos deixar que nada aconteça com você.
— Ao menos alguém aqui não precisa de proteção alguma — comentei, rindo fracamente, lançando um olhar para o homem que permanecia em silêncio.
Aquele homem era enorme, não precisava se preocupar com nada obviamente.
— Ah, nunca se sabe o que pode acontecer. Mais do que a parte externa, o que realmente importa é como lidamos com as situações — respondeu de uma forma mais séria, mas ainda assim mantendo um clima amistoso entre nós.
Respirei fundo mais uma vez, sorrindo com o que ele havia dito, porque eu concordava totalmente e fiquei em pé.
— Mais alguma coisa que precisamos saber por agora? — Questionei, mantendo meus olhos em Carson.
— Não, por agora é só isso. Só adianto que daqui em diante vocês passarão o tempo todos juntos… Treinos, estratégias, estudos. Você sabe como eu gosto das coisas, — explicou, logo desligando o monitor e eu apenas assenti. — Alguma dúvida? Algo que queiram perguntar?
Neguei com a cabeça, vendo que fazia o mesmo.
— Só posso desejar boa sorte — Trenton disse e passou por nós, caminhando até a saída, mas não sem antes dizer uma última coisa. — Aproveitem para se conhecer melhor. — Então saiu, nos deixando a sós e respirei fundo mais uma vez. Saber que eu trabalharia com tráfico de mulheres tinha me afetado muito mais do que se esperaria, mas em partes eu só queria fazer o trabalho e não falhar. Porque milhares de mulheres dependiam de mim naquele momento. De nós.
— Agente … Tudo bem? — questionou em um tom hesitante e percebi que me olhava com uma certa preocupação.
— Vai ficar melhor se você me chamar de , agente . — Sorri levemente, voltando a me recostar na mesa. — Está tudo bem, sim. É só o peso da responsabilidade me assombrando.
— Tá certo então, — frisou meu nome, o que me fez sorrir. — Então você pode me chamar de . — Me lançou uma piscadela, então suspirou ao refletir sobre o que eu havia dito. — Tem razão, mas eu tenho certeza de que você vai tirar isso de letra. Nós acabamos de nos conhecer, eu sei, só que já percebo isso em você.
— Fico feliz em saber disso, . — Pisquei para ele de volta, sorrindo levemente. — Eu te mostraria algumas coisas do prédio, mas preciso realmente terminar uns relatórios… — Torci o nariz ao dizer aquilo, tombando levemente a cabeça e o observando.
Ia ser realmente interessante trabalhar com ele.
— Tudo bem, eu descubro. — Deu uma risada baixa. — Nos vemos em breve então, . — Caminhou em direção à porta e a abriu, fazendo sinal para que eu passasse antes dele.
— Eu vou esperar ansiosamente, . — Pisquei para ele mais uma vez, então segui meu caminho me esforçando para não olhar para trás, só para que pudesse olhar para ele uma última vez naquela noite.


Continua...



Nota das autoras: Gente, vocês estão surtando aí também? Porque nós já estamos shippando horrores esse casal hahaha.
Contem para a gente o que acharam!
Nos sigam em nossos instagrams e entrem em nossos grupos do whatsapp e facebook para receber avisos sobre as atts, spoilers e interagir conosco!
Beijos e até a próxima.
Ste e Van.

Redes sociais da Ste:



Redes sociais da Vane:





Outras Fanfics da Ste:
Acorrentados no Inferno [Restritas — Originais — Em Andamento]
Aliferous [Restritas — Originais — Em Andamento]
Bellum Vincula [Restritas - Originais - Em Andamento] — Parceria com Vanessa Vasconcellos e G.K Hawk
Extermínio [Restritas — Originais — Em Andamento] — Parceria com Sereia Laranja
Histeria [Restritas — Originais — Em Andamento]
Hold me Tight or Don't [Restritas — Livros/Harry Potter — Em Andamento]
Inside the Maze [Restritas — LGBTQIA+ — Em Andamento] — Parceria com Sereia Laranja
Lover of Mine [Restritas — Originais — Em Andamento] — Parceria com Dany Valença
Lycanthrope [Restritas — Originais — Em Andamento]
Mindhunters [Restritas — Originais — Em Andamento] — Parceria com Vanessa Vasconcellos
Reckless Serenade [Restritas — Livros/Harry Potter — Em Andamento]
Unholy Darkness [Restritas — Livros/Harry Potter — Em Andamento] — Parceria com G.K Hawk
Trilogia Sweet Psychosis:
Sweet Monster [Restritas — Seriados — Shortfic] — Parte I
Sweet Symphony [Restritas — Originais — Shortfic] — Parte II
Sweet Psychosis [Restritas — Originais — Shortfic] — Parte III
Acesse minha página de autora para encontrar todas as minhas histórias

Outras Fanfics da Vane:
Bellum Vincula [Restritas - Originais - Em Andamento] — Parceria com Stephanie Pacheco e G.K Hawk
Contrato de Sangue [Restritas - Seriados/Lucifer - Em Andamento]
Euphoria [Restritas - Originais - Em Andamento]
Kára [Restritas - Heróis/Marvel - Em Andamento]
Mindhunters [Restritas — Originais — Em Andamento] — Parceria com Stephanie Pacheco
Oblivium [Restritas - Originais - Em Andamento]
Perfectly Wrong [Restritas - Originais - Em Andamento]
Road so Far [Restritas - Seriados/Supernatural - Em Andamento]
Spring Girls [Restritas - Originais - Em Andamento]
12. Mutual [Ficstape Shawn Mendes]
Acesse minha página de autora para encontrar todas as minhas histórias


CAIXINHA DE COMENTÁRIOS

O Disqus está um pouco instável ultimamente e, às vezes, a caixinha de comentários pode não aparecer. Então, caso você queira deixar a autora feliz com um comentário, é só clicar AQUI.


comments powered by Disqus