Contador:
Última atualização: 17/05/2021

Epígrafe

Nostalgia é um termo que descreve uma sensação de saudade idealizada, e às vezes irreal, por momentos vividos no passado, associada a um desejo sentimental de regresso, impulsionado por lembranças de momentos felizes e antigas relações sociais. A palavra vem do grego nóstos (νόστος - "reencontro") e ἄλγος (álgos - "dor, sofrimento").
A nostalgia é diferente da saudade, pois a saudade é direcionada a um alvo ou momento específico e até pode ser superada pela presença ou repetição, já a nostalgia não pode ser superada no campo físico, pois diz respeito somente a uma visão idealizada de passado que cada um possui.


Prólogo

Eu sempre tive certeza do que queria, até aquele momento.
Boa parte da minha vida, estive em busca da sensação de euforia, de algo que realmente me fizesse sentir as coisas de forma intensa. Essa palavra sempre marcou a minha vida, foi o que senti na primeira vez que fui para a escola, e lá estava ela de novo quando toquei piano pela primeira vez, e mais uma vez pude apreciá-la ao dar meu primeiro beijo, descobrir uma nova amizade ou estar com as pessoas que eu amava e perceber o quanto aquilo era genuíno. Ou quando experimentei a primeira substância que me afastou de qualquer medo ou insegurança.
Tudo que fosse relacionado às pessoas que eu amava estava ligado a esta incrível sensação.
Eu achei que passaria a minha vida toda experimentando isso em relação às pessoas que me completavam de alguma forma. Contudo, aquilo me provou que não, que as pessoas que gostamos também podem nos causar desapontamento, dor, tristeza... e pior ainda, a sensação de nostalgia.
Nostalgia.
Caracterizada pela saudade do passado.
Mas essa saudade vem ligada a uma melancolia, a uma necessidade de se conectar a algo que você sabe que não deveria querer, mas deseja mesmo assim. Por isso, eu sempre gosto de dizer que: a saudade alegra e a nostalgia machuca.
Eu tinha cometido muitos erros, talvez merecesse tudo que estava acontecendo. E o pior de tudo, eu não me arrependia de muitos deles, eu era só uma pessoa no auge da sua juventude, querendo experimentar o máximo de euforia que a vida poderia me trazer. E em busca disso, tudo aquilo passou por cima de mim como uma avalanche, sem aviso e sem pedir licença.
A pior parte de tudo isso? É que ainda assim, eu queria voltar atrás.
Eu deixaria acontecer mais uma vez.
Só para provar daquela sensação de novo.
Eu daria qualquer coisa.
Seria qualquer pessoa.
Só para experimentá-la.
E mais uma vez ela estava lá, a maldita nostalgia.
De algo que eu nunca teria de novo.


Continua...



Nota da autora: Oi, meus amores, tudo bem?
FINALMENTE EU VIM COM ESSA FANFIC AHAHAHAHAHAHAHAHAH! Só queria dizer que eu NÃO me aguentei e decidi postar tudo que veio antes de Euphoria, porque eu estou com essa ideia na cabeça e falei, por que não? Espero que muito que vocês gostem, porque eu estou mega ansiosa. Desculpem começar apenas com o prólogo, mas prometo que logo tem att.



Outras Fanfics:
Contrato de Sangue [Restritas - Seriados/Lucifer - Em Andamento]
Euphoria [Restritas - Originais - Em Andamento]
Kára [Restritas - Heróis/Marvel - Em Andamento]
Mindhunters [Restritas - Originais - Em Andamento] — Parceria com Stephanie Pacheco
Oblivium [Restritas - Originais - Em Andamento]
Perfectly Wrong [Restritas - Originais - Em Andamento]
Road so Far [Restritas - Seriados/Supernatural - Em Andamento]
Spring Girls [Restritas - Originais - Em Andamento]
Acesse minha página de autora para encontrar todas as minhas histórias

Qualquer erro nessa fanfic ou reclamações, somente no e-mail.
Para saber quando essa fanfic vai atualizar, acompanhe aqui.


CAIXINHA DE COMENTÁRIOS

O Disqus está um pouco instável ultimamente e, às vezes, a caixinha de comentários pode não aparecer. Então, caso você queira deixar a autora feliz com um comentário, é só clicar AQUI.


comments powered by Disqus