Fizemos uma entrevista com a Marina Lee, nossa autora do mês de janeiro, que foi super fofa em responder a todas as nossas perguntas sobre ela e sua fanfic publicada no site, The Boys of My Life, com muito bom humor e simpatia. Confira abaixo na íntegra:

Fanfic Obsession: Qual é a sensação de ser escolhida autora do mês pela sua primeira fiction no Fanfic Obsession?
Marina: Nossa! A sensação é maravilhosa, nem tenho como explicar. Quando li o resultado no twitter, comecei a pular. Foi um dos momentos mais incríveis da minha vida, sem exageros.

FFOBS: O que te inspira para escrever The Boys of My Life?
M: Na maioria das vezes a inspiração vem de um momento com os amigos, pelo menos a maioria das partes de comédia. Os momentos mais românticos vêm geralmente de músicas ou filmes. E o McFly, obviamente, haha.

FFOBS: Como conheçou esse mundo das fanfics? O que te levou a escrever uma?
M: Na época que comecei a gostar de McFly, minha amiga Thamiris me mostrou na casa dela uma… Desde então, não parei mais de ler. Infelizmente, hoje não lembro qual era o nome dessa fic. Bom, eu sempre tive mania de escrever, desde pequena (tenho até um livro que fiz em parceria com meu pai aos 6 anos), mas o que me fez mandar a história pro site foi definitivamente a Ray (escritora de Gossip Boys), ela meio que me encorajou a fazer isso depois de eu ter mandado uma parte do primeiro capítulo pra ela, haha.

FFOBS: Quais são as semelhanças e diferenças principais entre você e a personagem principal da fanfic?
M: Semelhanças: Acho que temos a facilidade de nos apaixonar e de nos metemos em confusões amorosas. O drama, ser um pouco moleca por ter crescido com meninos e a forma de se expressar é ao estilo Marina. Diferenças: Não tenho 3 meninos lindos e fofos disputando o meu coração, infelizmente. E eu não toco nem canto nada, minha personagem pelo menos tenta, haha.

FFOBS: O que você pensa do trabalho das beta-readers do site? Trivial, importante ou realmente necessário?
M: Eu acho um trabalho incrível. Acho que sem minha beta (Lilá), minha fic não seria metade do que ela é. Minha beta, além de corrigir erros e scriptar, também me dá dicas, me elogia e, principalmente, não me deixa desistir. Acho muito importante o trabalho das betas.

FFOBS: Qual o grupo de pessoas que essencialmente te apóia em relação à escrita? Família, amigos de colégio, amizades virtuais?
M: Família me apoia muito (mãe, pai e minhas primas), amigos… Não só do colégio, mas amizades virtuais também, afinal fiz amizade com algumas leitoras e só as conheço virtualmente, e elas, principalmente, me apóiam muito.

FFOBS: Já pensou em escrever alguma fanfic com o fandom diferente?
M: Já sim, pensei em Harry Potter e Gossip Girl.

FFOBS: O que podemos esperar para o futuro de The Boys of My Life?
M: Podemos esperar ainda muito romance e aventura desses amigos que estão sempre juntos e as respostas que a personagem principal tanto precisa.

FFOBS: Muito obrigada pela entrevista! Se você quiser agradecer a alguém ou mandar algum recado aos leitores, sinta-se à vontade!
M: Primeiramente, obrigada a você e toda a equipe do Fanfic Obsession por nos dar esse espaço. Bom queria agradecer aos meus pais, sem eles eu não estaria aqui, não é?!, haha. E todas as minhas amigas, principalmente a Cintia, Thamiris, Isabella e Giulia, que me dão toda manhã inspiração pra escrever. Agradecer a minhas leitoras lindas, afinal sem elas e seus elogios e puxões de orelha eu não seria nada. Também agradecer às escritoras do site que, assim como eu, tentam trazer histórias maravilhosas, pensando sempre na diversão das leitoras. Não vou esquecer de agradecer também as meninas da Tag que são sempre uns amores, pricipalmente Lan, That, Cinthy e Bia g. E por último, e não menos importante, minha beta linda e incrível Lilá, que está sempre me ajudando.